Patrono
Ver Localização

User Rating: 4 / 5

 

A Carreira da Índia

Map of Portuguese Carreira da India

O perigo muçulmano para a cristandade (com os Turcos senhores de Constantinopla ameaçando submergir a Europa) tornou-se menos inquietador com a perda da hegemonia no Índico. O seu poderio ficou abalado. Nunca mais dominariam o comércio da Ásia, que tinham tido quase exclusivamente nas suas mãos. O acesso às terras das especiarias foi-lhes barrado, sendo os seus navios interceptados pelo novo poder. E se bem que continuassem a constituir uma ameaça, teriam agora de olhar com inquietação para a retaguarda, para esse imenso continente onde o secular inimigo se instalara e se ia rapidamente consolidando.

O proveito dos portugueses em estabelecer uma rota marítima, portanto praticamente isenta de assalto — não obstante, coberta de perigos no mar —, mostrava-se recompensador e esboçava no futuro um grande rendimento à Coroa. Portugal iria ligar directamente as regiões produtoras das especiarias aos seus mercados na Europa.

O mundo passou a ser encarado de outra forma, alargando horizontes e criando novos padrões de vida. Esta grande descoberta provocou deslumbramento e promoveu o encontro de culturas diferentes, é por isso um acontecimento não só da nossa história, mas da história de todos os Homens.

A costa leste de África

O comércio de especiarias viria a ser um trunfo para a economia portuguesa, e a viagem de Vasco da Gama deixou clara a importância da costa leste da África para os interesses portugueses: os seus portos forneciam água potável, víveres e madeira, serviam para reparos e como abrigo para os navios esperarem em tempos desfavoráveis (aguardando a monção, ou abrigando-se de ataques). Um resultado significativo desta exploração foi a colonização de Moçambique pela Coroa Portuguesa.

A viagem da armada de Vasco da Gama abre a Carreira da Índia, ou Rota do Cabo, isto é, a ligação marítima regular entre o Ocidente e o Oriente, permitindo assim estabelecer importantes trocas comerciais, alargar e consolidar o império português, difundir a língua e cultura portuguesa e transmitir os valores e ideais da religião cristã.