Sociedade
KIOSK(ext)
WEBMAIL
Abrir Painel

Destaques

User Rating: 0 / 5

User Rating: 0 / 5

Arquivo de Provas e Exames

LogotipoIAVE cor rgb 96

O Banco de Exames e Provas é um arquivo de todos os instrumentos de avaliação concebidos no âmbito da missão do GAVE, desde 1997. Neste arquivo podem ser consultados e descarregados os ficheiros relativos às provas de aferição, às provas finais e às provas de exame nacional (ensino básico e ensino secundário) e aos testes intermédios.

  • Provas de Aferição (Ensino Básico)
    • 1.º ciclo - Consulte aqui
    • 2.º ciclo - Consulte aqui
    • 3.º ciclo - Consulte aqui
  • Provas Finais de Ciclo e Exames Nacionais (Ensino Básico)
    • Provas em vigor - Consulte aqui
  • Exames Finais Nacionais (Ensino Secundário)
    • Provas em vigor - Consulte aqui
  • Testes Intermédios (Ensino Básico e Ensino Secundário)

User Rating: 0 / 5

A ESCOLA INCLUSIVA: DESAFIOS - IGEC

inclusivo

A presente publicação (ou clica na imagem) pretende, partindo das conclusões do trabalho dos inspetores da Educação, em cada escola, dar mais um contributo para que a Educação Especial tenha uma realização verdadeiramente inclusiva em cada contexto educativo, promovendo respostas educativas de qualidade adequadas à concretização efetiva das aspirações de cada um dos nossos alunos. Fonte: IGEC

User Rating: 0 / 5

Guia do Brincar Inclusivo - Projeto Incluir Brincando

20392555 rvqZH

O projeto Incluir Brincando é uma iniciativa da Vila Sésamo e do Fundo das Nações Unidas para a Infância - UNICEF, que procura contribuir para a garantia do direito a brincar de todas as crianças, respeitando os ritmos e a individualidade de cada uma. Neste guia do brincar inclusivo, encontra sugestões de brinquedos, brincadeiras e jogos que permitem a participação de todas as crianças. Incluir é bem mais simples do que parece e torna a brincadeira muito mais divertida!

User Rating: 0 / 5

Aprendizagem, TIC e Redes Digitais - Textos do Seminário realizado no CNE a 6 de abril de 2016

Capa aprendizagens TIC e redes digitais

As TIC continuam a ser um desafio permanente, quer pelo surgimento de novas plataformas, aplicações ou dispositivos móveis, quer pela discussão sobre as suas vantagens e formas de operacionalizar e mobilizar estratégias para a sua utilização, como verdadeiras ferramentas de aprendizagem. Os projetos, programas e iniciativas que têm sido implementados nas últimas décadas, nacional e internacionalmente, destacam a importância cada vez maior da utilização das TIC em contexto educativo com o objetivo fundamental de inovar as práticas, tornando-as mais atuais e, sobretudo, que tenham uma influência positiva relevante nas aprendizagens dos alunos.

O desenvolvimento de projetos inovadores centrados na promoção e aquisição de competências digitais potenciam a melhoria das qualificações dos cidadãos nas e para as TIC, contribuindo para uma sociedade digital mais inclusiva e reduzindo as desigualdades de forma a promover a participação mais autónoma. O ensino da computação e da linguagem de programação gráfica, desde os primeiros anos de escolaridade, ajudam a desenvolver o pensamento criativo, a literacia digital e a adquirir conceitos matemáticos e computacionais.

A discussão em torno da temática abrange diversas dimensões: histórica, axiológica, escolar, curricular, didática, contextos de aprendizagem e formação de professores, nas quais intervêm questões como a igualdade de oportunidades e a inclusão, a literacia digital, a segurança, a utilização das TIC nas diferentes disciplinas, estilos de aprendizagem e estilos de ensino, gestão e sustentabilidade das tecnologias nas escolas.

User Rating: 0 / 5

Subir na vida é possível em Portugal?

Infografia Mobilidade Social final FFMS 2

O apelido ainda conta para conseguir um bom emprego? Estudar é a principal garantia para uma vida melhor? A diferença entre homens e mulheres que chegam a cargos de topo tem os dias contados?

Em Portugal o aumento da escolaridade foi fundamental para garantir mais oportunidades para todos. Houve enormes progressos na educação da geração nascida em meados do século passado, para a dos filhos de Abril. Apesar disso, hoje, apenas 46 em cada 100 portugueses completou o ensino secundário. E mais de metade da população ainda tem uma profissão equivalente à dos pais, revela o estudo inédito da Fundação Francisco Manuel dos Santos sobre mobilidade social...

Anexos:
Download this file (DGEEC_DSEE_DEEBS_2016_Desigualdades2_CEB.pdf)DGEEC_DSEE_DEEBS_2016_Desigualdades2_CEB.pdf[DESIGUALDADES SOCIOECONÓMICAS E RESULTADOS ESCOLARES II - 2.º Ciclo do Ensino Público Geral (DGEEC - Outubro de 2016)]1517 kB
Download this file (Infografia-Mobilidade_Social-final_FFMS_2.pdf)Infografia-Mobilidade_Social-final_FFMS_2.pdf[MOBILIDADE SOCIAL - Num Portugal desigual, que oportunidades temos de subir na vida? (infografia)]248 kB

User Rating: 0 / 5

BOOM DIGITAL? CRIANÇAS (3-8 ANOS) E ECRÃS

boomdigital

clica na imagem para abrir o documento

A ERC – Entidade Reguladora para a Comunicação Social publica estudo sobre os usos/competências/danos experimentados pelas crianças e o papel das famílias na socialização digital. O volume integra textos de especialistas e de profissionais nacionais e internacionais que refletem, em relação à sociedade portuguesa e a estudos realizados noutros países europeus, sobre o modo como as crianças mais novas estão a crescer em contacto com a tecnologia digital, os usos que fazem dos ecrãs, as competências e literacias que vão adquirindo, as situações de dano que podem experimentar e os modos como as famílias intervêm nessa socialização digital.

minidestaqueestudocrescendoentreecras

CRESCENDO ENTRE ECRÃS: Usos de meios eletrónicos por crianças (3-8 Anos) - PDF

Parenting for a Digital Future - LINK

Nativos Digitais: Atreve-te a empreender - PDF

Este artigo pretende apresentar as caraterísticas da geração digital, chamada de geração de nativos digitais, abordando as tendências da sociedade em rede e da necessidade de formações empreendedoras por meio das Tecnologias Digitais de Informação e Comunicação (TDIC). Apesar dessa nova cibercultura, em que jovens encontram uma nova forma de se expressar e criar, ainda existe uma grande carência de formações para que essas tecnologias ressoem novas práticas sociais.

Nativos Digitais ou Navegadores Errantes? - Educação para os Média e Formação de Leitores no Século XXI - PDF

Na última década, temos vindo a assistir a mudanças profundas na forma como comunicamos e lidamos com o excesso de informação que chega até nós. Tal (r)evolução repercute-se na Escola,implicando uma reflexão permanente sobre as interações dos alunos com o novo mundo digital.
Anexos:
Download this file (Crescendo_entre_ecras_ competencias_digitais_de_criancas_de_3a8anos.pdf)Crescendo_entre_ecras_ competencias_digitais_de_criancas_de_3a8anos.pdf[Texto que apresenta e discute resultados desse inquérito.]125 kB

User Rating: 0 / 5

Currículo dos ensinos básico e secundário - consulta pública

im fundo1

O Conselho de Ministros aprovou na generalidade, a 5 de abril de 2018, o Decreto-Lei que define os princípios de organização do currículo dos ensinos básico e secundário. Neste sentido, convidam-se todas as escolas e seus professores, as famílias, alunos e demais interessados a analisar o Documento Síntese do Decreto-Lei (ver anexos), podendo os contributos serem inscritos até ao dia 30 de abril de 2018, no formulário disponível para o efeito, bastando para isso introduzir o endereço de correio eletrónico.

Anexos:
Download this file (20180412+medu+curricula+ensbas+enssec+sintese.pdf)20180412+medu+curricula+ensbas+enssec+sintese.pdf[Currículo dos ensinos básico e secundário - documento síntese]580 kB
Download this file (DL+consulta+pública+-+VF.pdf)DL+consulta+pública+-+VF.pdf[Currículo dos ensinos básico e secundário - Revisão do Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho]302 kB

User Rating: 0 / 5

As alterações climáticas já estão a mudar o mundo

alteracoes climaticas Devido ao efeito de estufa, os termómetros vão continuar a subir. A temperatura do planeta não pára de subir. Todos os dias, as emissões de gases com efeito de estufa criam na atmosfera uma temperatura equivalente à de 400 mil bombas de Hiroxima. Com o aquecimento global, o degelo nos pólos Norte e Sul tornou-se inevitável. Os cientistas calculam que, no final do século, o nível médio do mar poderá ter subido até 1,5 metros, alterando a geografia das zonas costeiras. Grandes tempestades ou períodos de seca extrema podem tornar-se regra. Muitas cidades ficarão sem água e reservas do planeta, como a Amazónia, arriscam perder metade dos animais e plantas. Em Portugal, os termómetros no Verão deverão marcar, em média, mais cinco graus em 2100. Teremos de habituar-nos a um país mais árido, a ondas de calor mais intensas e prolongadas e a chuva fora de época (ver anexos).

Como podemos travar e reverter este cenário? E como é que estas previsões irão mudar a forma como vivemos? Que soluções existem para reduzir o impacto das mudanças climáticas na economia e agricultura? E que novas soluções são necessárias?

Terra ao rubro

MAPA INTERACTIVO com as emissões de CO2 do Global Carbon Atlas

ARMAZENAMENTO NAS PRINCIPAIS BARRAGENS NACIONAIS (mensal)

Planeta Vivo Relatório 2016. Risco e resiliência em uma nova era. WWF-International, Gland, Suiça. Relatório bienal que apresenta o cenário detalhado e atualizado da situação do meio ambiente em nosso planeta. Essa é uma importante publicação que reúne dados científicos e estudos de todos os continentes, servindo como um grande alerta para a saúde do nosso planeta!

Causas e consequências das alterações climáticas

Anexos:
Download this file (Advertencia dos Cientistas do Mundo a Humanidade.pdf)Advertencia dos Cientistas do Mundo a Humanidade.pdf[Advertência dos Cientistas do Mundo à Humanidade: um Segundo Aviso]380 kB
Download this file (Alteracoesclimaticas_Situacaoactualecenariosfuturos-FDuarteSantos.pdf)Alteracoesclimaticas_Situacaoactualecenariosfuturos-FDuarteSantos.pdf[Alterações climáticas: situação actual e cenários futuros - Filipe Duarte SANTOS]443 kB
Download this file (Biodiversidade_no_alentejo-20180.jpg)Biodiversidade_no_alentejo-20180.jpg[Infografia - imagem]544 kB
Download this file (estado_da_alimentacao_e_da_agricultura-2016.pdf)estado_da_alimentacao_e_da_agricultura-2016.pdf[O ESTADO DA ALIMENTAÇÃO E DA AGRICULTURA - MUDANÇAS CLIMÁTICAS, AGRICULTURA E SEGURANÇA ALIMENTAR (infografia)]363 kB